22/02/19 | 13:31
Prefeitura lança licitação para restaurar Pavilhão Universal e faz tomada de preço dia 28

O Pavilhão Universal, clássico elemento arquitetônico histórico instalado na Praça Tenreiro Aranha, tem licitação lançada pela Prefeitura de Manaus para contratação de empresa para o restauro da edificação, na modalidade menor preço e empreitada por valor global. A obra faz parte do projeto de revitalização do Centro Histórico que, conforme anunciado pelo prefeito Arthur Virgílio Neto, terá sua continuação com recursos próprios do município.

“Tivemos alguns problemas na liberação de recursos junto ao governo federal, o que atrasou bastante a execução das obras que integram o nosso projeto de devolver vida ao Centro Histórico de Manaus. É o local onde se guarda a essência da nossa identidade e que deve ser valorizado”, destaca o prefeito. “Organizamos nossas finanças e agora teremos condições de concluir o projeto com recursos próprios. Isso nos dá muito orgulho”, completou.

A concorrência, organizada pela Comissão de Licitação do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), tem a tomada de preço prevista para o próximo dia 28. A abertura dos envelopes dos concorrentes vai acontecer às 9h, na sala do usuário do Implurb, na avenida Brasil, 2.971, Compensa.

Com valor estimado em R$ 1.088.463,10, o pavilhão, obra do Programa de Aceleração de Crescimento (PAC) Cidades Históricas, deverá ser desmontado para restauro das estruturas metálicas e demais elementos arquitetônicos, um dos belos exemplares da arquitetura neoclássica, construído em 1912. Após restauro, ele será implantado na Praça Adalberto Vale.

O edital e seus anexos, como projetos arquitetônico, estrutural, projeto básico completo, formulários e minuta do contrato, podem ser consultados no portal   transparencia.manaus.am.gov.br.

Podem participar da licitação pessoas jurídicas que explorem o ramo de atividade compatível com o objeto e que satisfaçam as condições exigidas no edital, observada a necessária qualificação técnica. A licitante vencedora será responsável pela execução dos serviços, pelos preços constantes no orçamento apresentado, normas técnicas vigentes e as fornecidas pelo edital.