Serviço Social

ANIVERSARIANTES DA SEMANA

12 PAULO PINHEIRO GOMES DIAP
12 TASSIA CRUZ BARBOSA DOS SANTOS SUBHAF
14 RAIMUNDO DE SOUZA FREITAS GPMS
15 ANISIO PEREIRA DE MAGALHAES GPMS

 

PARABÉNS AOS COLEGAS!!

 

NOTÍCIAS

Vacinação de pessoas de 55 a 59 anos com qualquer comorbidade inicia nesta segunda-feira

A Prefeitura de Manaus inicia nesta segunda-feira, 12/4, uma nova etapa da campanha municipal de vacinação contra a Covid-19. Depois de vacinar os portadores de diabetes, obesidade grave e cardiopatias, de 18 a 59 anos, o município começa a atender os que têm as demais comorbidades elencadas pelo Ministério da Saúde como prioritárias para a imunização. Serão recebidos, ao longo da semana, nos sete pontos estratégicos de vacinação da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), os que têm entre 55 e 59 anos, em ordem decrescente de idade, iniciando com os de 59, na segunda, e finalizando com os de 55, na sexta-feira, 16.

As comorbidades definidas pelo plano nacional de vacinação podem ser consultadas no Imuniza Manaus (https://imuniza.manaus.am.gov.br) a partir da janela “Comorbidades”. Além das contempladas na etapa anterior da vacinação, a lista inclui anemia falciforme, doença cerebrovascular, hipertensão arterial (estágio 1 e 2 com lesões de órgão-alvo ou doenças associadas; estágio 3; e Resistente-HAR), pneumopatias graves crônicas, cirrose hepática, doença renal crônica e síndrome de Down. No grupo também estão incluídos os pacientes considerados imunossuprimidos (transplantados, pessoas vivendo com HIV, pessoas que usam imunossupressores ou com imunodeficiências primárias, doenças reumáticas sistêmicas em atividade e pacientes oncológicos com tratamento realizado nos últimos seis meses, entre outros).

Para saber o local e a hora em que deve receber a vacina, o usuário que se enquadra nos critérios de saúde e idade exigidos para a etapa atual deve acessar o Imuniza Manaus e escolher a opção “Consultar 1ª Dose”. O agendamento dos que realizaram o cadastro prévio foi feito para um dos sete pontos de vacinação da Semsa, distribuídos nas quatro zonas geográficas da cidade. A distribuição da agenda levou em conta o local de moradia informado e a capacidade de atendimento de cada um dos pontos. Os que não puderam realizar o cadastro no Imuniza podem se dirigir, no dia de atendimento da sua idade, ao ponto de vacinação mais próximo.

A vacinação será realizada com a comprovação de idade e comorbidades. Por isso é obrigatória a apresentação de documento de identidade original com foto, CPF e laudo médico (original e cópia). Os hipertensos que não tiverem laudo, podem apresentar receita médica em papel oficial do Sistema Único de Saúde (SUS) ou da rede privada de saúde, com nome e carimbo do médico que faz a prescrição (original e cópia). Para os imunossuprimidos, no caso específico das pessoas vivendo com HIV, são válidos os seguintes comprovantes: cartão de identificação emitido pelo serviço de saúde onde o usuário faz acompanhamento médico; declaração do Sistema de Controle Logístico de Medicamentos (Siclon); ou resultado de exames específicos (Carga Viral ou CD4), também em original e cópia.

Ao longo da semana serão vacinadas mais de 10 mil pessoas de 55 a 59 da nova faixa de comorbidades, considerando a quantidade de cadastros feitos no Imuniza Manaus. Além desses, quem já poderia ter se vacinado e, por algum motivo, não compareceu ao posto de vacinação, pode verificar seu reagendamento no sistema ou ir diretamente a um dos sete pontos de vacinação.

A Semsa continua a atender, para a primeira dose, os idosos de 60 anos ou mais e os portadores de diabetes, obesidade grave e cardiopatias, de 18 a 59 anos. Os trabalhadores da saúde estão recebendo apenas a segunda dose, em posto exclusivo (Escola de Enfermagem, da Universidade Federal do Amazonas), e os idosos que receberam o imunizante CoronaVac também já estão recebendo a segunda dose.

Calendário de vacinação – 12/4 a 16/4:

Segunda-feira, 12 – 59 anos

Terça-feira, 13 – 58 anos

Quarta-feira, 14 – 57 anos

Quinta-feira, 15 – 56 anos

Sexta-feira, 16 – 55 anos

Sábado, 17 – Repescagem

Condições de saúde para a vacinação:

Anemia falciforme

Doença cerebrovascular

Hipertensão arterial em estágio 1 e 2 com lesões de órgão-alvo ou doenças associadas;

Hipertensão arterial em estágio 3

Hipertensão Arterial e Resistente (HAR)

Pneumopatias graves crônicas

Cirrose hepática

Doença renal crônica

Imunossupressão

Síndrome de Down

Pontos de vacinação com funcionamento das 9h às 16h: 

Zona Norte

Centro Estadual de Convivência da Família Padre Pedro Vignola

Rua Gandu, 119, Cidade Nova

Zona Sul e Centro-Sul

Centro Cultural dos Povos da Amazônia

Avenida Silves, 2.222, Crespo

Universidade Paulista (Unip)

Avenida Mário Ypiranga Monteiro, 3.490, Parque 10 de Novembro.

Universidade Nilton Lins

Avenida Professor Nilton Lins, 3.259, Flores

Zona Leste

Clube do Trabalhador do Sesi/AM

Avenida Cosme Ferreira, 7.399, São José

Zona Oeste

Balneário do Sesc/AM

Avenida Constantinopla, 288, conjunto Campos Elíseos, Planalto

Centro de Convenções de Manaus (sambódromo)

Avenida Pedro Teixeira, 2.565, Dom Pedro

— — —

Texto – Andréa Arruda / Semsa

https://www.manaus.am.gov.br/noticia/vacinacao-de-pessoas-de-55-a-59-anos-com-qualquer-comorbidade-inicia-nesta-segunda-feira/

 

NOTÍCIAS

Imunização contra a Influenza tem início nesta segunda-feira

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza em Manaus terá início nesta segunda-feira, 12/4. Este ano, o Ministério da Saúde dividiu a campanha em três fases, porque o Instituto Butantan, que produz a vacina, não entregou a totalidade das doses. Nesta primeira fase, a prefeitura irá imunizar crianças na faixa etária de seis meses a menores de dois anos, gestantes e puérperas (mães no pós-parto até 45 dias). Para receber esse público, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) preparou 171 salas de vacina em unidades da rede municipal. A previsão é que todas as fases estejam concluídas no dia 9/7.

O prefeito de Manaus, David Almeida, salienta que a campanha contra a Influenza ocorrerá de forma simultânea com a vacinação contra a Covid-19. “Teremos duas campanhas de vacinação acontecendo ao mesmo tempo, mas a população pode ficar tranquila. A área técnica da Semsa organizou os atendimentos de forma a facilitar o acesso de quem deve receber a vacina. Em nossos canais oficiais como site e redes sociais, é possível consultar todas as informações como endereços, horários e quais documentos apresentar em cada uma das situações”, tranquiliza David, lembrando que à medida em que a prefeitura for recebendo doses, irá avançando nos grupos, nas duas campanhas.

Grupos

Para a primeira fase da campanha da Influenza, a Semsa recebeu pouco mais de 90 mil doses da vacina, que garantirão a imunização desses três grupos: crianças de seis meses a menores de dois anos, gestantes e puérperas. A previsão é que sejam imunizadas 642.003 pessoas de 17 grupos prioritários, incluindo os três que começarão a receber a vacina nesta segunda-feira.

Para a vacina contra a Influenza, as pessoas dos grupos prioritários deverão procurar uma das salas da Semsa, levando o cartão de vacinação. O calendário para a imunização dos outros dois grupos será divulgado de acordo com o cronograma de entrega de doses pelo Ministério da Saúde. Os endereços das salas estão no link https://semsa.manaus.am.gov.br/programa-de-imunizacoes/salas-de-vacina/. O horário de funcionamento das salas é das 8h às 17h, em dias úteis.

Para evitar o risco de contaminação pelo novo coronavírus, todas as salas foram organizadas de acordo com os protocolos de segurança. A orientação é que todos usem máscaras, que gestantes e puérperas mantenham o distanciamento e façam a higienização das mãos, utilizando álcool em gel a 70%, e que apenas um responsável acompanhe a criança a ser vacinada.

“Pedimos às pessoas desses três grupos, que se dirijam às salas para receber a vacina com tranquilidade. Não é necessário correria. Para o público-alvo dos outros 14 grupos, nossa orientação é para que aguardem a chegada das próximas remessas. Não adianta ir às salas, porque não poderão receber, ainda, a vacina contra a gripe. Isso só acontecerá quando chegarem mais doses”, alerta a secretária interina da Semsa, Aline Rosa Martins. Ela explica, ainda, que caso a pessoa faça parte do público-alvo para as duas vacinas, a prioridade, neste momento de pandemia, deve ser pela aplicação da vacina contra Covid-19, aguardando um período de 14 dias para imunização contra a Influenza.

Os grupos prioritários para receber a vacina contra a gripe são, além das crianças na faixa etária de seis meses a menores de seis anos; gestantes e puérperas, os povos indígenas; trabalhadores da saúde; idosos com 60 anos ou mais; professores das escolas públicas e privadas; pessoas com comorbidades; pessoas com deficiências permanentes; caminhoneiros; trabalhadores do transporte coletivo; trabalhadores portuários; forças de segurança e salvamento; Forças Armadas; funcionários do sistema prisional; população privada de liberdade; e adolescentes sob medidas socioeducativas.

— — —

Texto – Sandra Monteiro / Semsa

https://www.manaus.am.gov.br/noticia/imunizacao-contra-a-influenza-tem-inicio-nesta-segunda-feira/

 

CAMPANHAS

ABRIL VERDE

Durante o mês de abril, órgãos públicos e instituições engajadas nas questões relativas aos acidentes de trabalho aderem à campanha Abril Verde, uma forma de promover a conscientização sobre a importância da segurança e da saúde do trabalhador brasileiro. O mês de abril foi escolhido porque o dia 28 é dedicado à memória das vítimas de acidentes e de doenças do trabalho.

Iniciativa de participação espontânea que chama a atenção da sociedade brasileira para a adoção de uma cultura permanente de prevenção de acidentes do trabalho e doenças ocupacionais, o movimento Abril Verde luta para marcar o mês de abril com a cor da segurança no calendário nacional. A intenção é concentrar anualmente nesse período uma série de atividades, dando-lhes mais visibilidade e manifestações de apoio à causa.

https://www.anamt.org.br/portal/2020/04/01/abril-verde-campanha-visa-a-conscientizacao-e-a-prevencao-de-acidentes-de-trabalho-2/

 

DICAS DE SAÚDE

Quando se fala em saúde mental ainda há um tabu enorme, muitas pessoas tem preconceitos sobre o assunto, alguns pensam que a questão da saúde mental é para “doido ou maluco”, e dizem: “não preciso disso”, é “frescura”, é “desperdício de tempo” e até mesmo existem pessoas que tem medo de falar sobre suas emoções e sentimentos, acham vergonhoso, ou aquelas que acham que saúde mental é um luxo, e somente os ricos podem desfrutar dela.

Mas, não se engane, não se deixe levar por essas ideias pré-concebidas e desenvolvidas de forma errônea a respeito do tema! Saúde mental é um fato. Assim como o nosso corpo físico adoece, nossa mente também pode adoecer.

O adoecimento mental existe. Adoecer mentalmente não é de forma alguma um sinal de fraqueza, que você não é bom ou que é inferior aos outros, pelo contrário demonstra que você foi forte, aguentou em quanto pode, mas que agora precisa de ajuda. Saúde mental é assunto para todas as pessoas sim.

E pra que não haja dúvidas e antes que você diga que está ou não saudável, é importante saber qual é o conceito de Saúde atualmente aceito. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) o termo é utilizado para descrever um estado de “completo bem-estar físico, mental e social”. Valei lembrar que isso não está relacionado somente com ausência de afecções e enfermidades.

E quando o assunto é especificamente a saúde mental, temos a seguinte afirmação, por parte da OMS: A Saúde mental é determinada por uma série de fatores socioeconômicos, biológicos e ambientais.

Devido ao contexto moderno, deste mundo frenético em que estamos inseridos, tudo muda numa velocidade incrível, e isso exige muito mais das pessoas, por isso não é difícil que ocorram sobrecargas mentais, sejam elas frutos de estresse no trabalho, medos, problemas familiares, afetivos, rápidas mudanças sociais, violência, violação de direitos, estilo de vida não saudável, entre tantos outros fatores que podem desencadear alguma dificuldade em relação à saúde mental.

Se sua mente não vai bem, ou seja, se você não cuida de sua saúde mental das suas emoções, seu corpo sofre, pois aquilo que não é resolvido na mente o corpo acaba transformando em doenças físicas.

Isso é a mais pura verdade e é mais comum do que você imagina! Quantas pessoas têm sofrido constantemente com:

  • Dores de cabeça,
  • Dores musculares,
  • Problemas estomacais,
  • Palpitações,
  • Nervosismo,
  • Insônia,
  • Enjoo,
  • Falta de ar,
  • Sensação de aperto no peito,
  • Boca seca,
  • Cansaço,
  • Tremores,
  • Tonteira,
  • Problemas de memória,
  • Falta de concentração,
  • Impotência,
  • Refluxo,
  • Azia,
  • Aumento do apetite,
  • Desregulação do ciclo menstrual,
  • Manchas no corpo,

Por mais que se faça exames médicos, nunca esses exames apontam nada de anormal. Isso só ocorre pois o sofrimento está presente na mente, sendo fruto de algo que não foi resolvido de forma correta, talvez esteja relacionado a um trauma, uma emoção reprimida, as pressões e o estresse do dia a dia, mudanças repentinas e tudo mais que a mente não está conseguindo lidar mas que o corpo está  mostrando que precisa ser resolvido.

Sem dúvida ter saúde mental é algo essencial e indispensável para que você possa afirmar categoricamente que goza de saúde plena e completa, e isso vai muito além da ausência de transtornos ou deficiências físicas.

Os fatores que influenciam o nível de saúde mental de uma pessoa são diversos, e podem estar associados tanto a questões sociais, psicológicas e biológicas, podendo a exemplo citar os problemas socioeconômicos, o aumento da violência, repentinas perdas, condições de trabalho, fatores psicológicos e de personalidade, fatores genéticos que podem contribuir para o desequilíbrio químico do cérebro, violação de direitos, etc.

Esses fatores acabam minando a saúde mental e por isso surge o adoecimento. Os problemas mais frequentes de adoecimento mental encontrados na população em geral são:

  • Estresse,
  • Ansiedade,
  • Dependência química,
  • Dependência emocional,
  • Perturbações psicóticas,
  • Medo,
  • Demências,
  • Luto,
  • Ansiedade social,
  • Pânico,
  • Relações tóxicas,
  • Dentre outros.

E é importante enfatizar que se você não trata corretamente o que acontece na sua mente é inevitável que ocorra um processo de somatização, que são todas as manifestações físicas que ocorrem no corpo em consequência de problemas não resolvidos na mente.O que prejudica todo o seu funcionamento e aos poucos afeta o desenvolvimento de suas atividades cotidianas, seus relacionamentos, seu desempenho no trabalho, nos estudos, e em alguns casos torna-se um problema tão grande que pode paralisar vida.

Diante de todos os bombardeios e sobrecargas a que somos expostos dia após dia nos diversos contextos em que vivemos como manter a saúde mental?

A reposta pode ser simples ou talvez necessite de ajuda profissional para desenvolver melhores estratégias para manutenção da saúde mental.

No entanto, algumas dicas são importantes para que você possa começar a ter uma vida mais saudáveis e isso inclui:

  1. Praticar o Autocuidado,
  2. Aceitar-se como você é e viver a sua própria vida.  Não queira ser como outra pessoa, seja você mesmo, goste de quem você é.
  3. Mantenha-se ativo diariamente – faça atividades físicas, estude, se empenhe em uma atividade.
  4. Adquira novas habilidades, exercite seu cérebro: que tal tentar um novo hábito, melhorar um comportamento, aprender a tocar um instrumento, fazer um tipo de artesanato.
  5. Mantenha o equilíbrio entre as responsabilidades e atividades de lazer.
  6. Reserve um tempo para ter contato com sua família com seus amigos: converse, sorria, abrace
  7. Relaxe, sempre separe um tempinho para fazer algo que gosta: assistir um bom filme, uma caminhada, passeio em família, a leitura de um bom livro, futebol, tocar um instrumento, ou outra atividade que lhe proporcione prazer
  8. Preze sempre por uma boa noite de sono, para recarregar as energias. .
  9. Mantenha cuidados básicos com um estilo de vida saudável. Procure alimentar-se corretamente (nessa correria do mundo e a busca pelo corpo perfeito as pessoas estão deixando de ingerir alimentos que são essenciais para a saúde) cuidado com isso.
  10. Busque ajuda sempre que sentir que não está bem, você não precisa sofrer sozinho, conte com a sua rede de apoio.

 

Essas são pequenas decisões que poderão fazer muita diferença em sua forma de pensar e agir, podem ser a saída para uma mente saudável.

Reflita: Como está sua saúde mental?

Não hesite em buscar ajuda para manter e/ou melhorar sua saúde mental.

Lembre-se assim como seu corpo precisa de ajuda para estar saudável, sua mente também precisa.

Se você cuida de sua mente, de suas emoções, de sua psique, está cuidado de sua vida!

 

Regiane B.S.Cruz é psicóloga (CRP 20/5146)

https://blog.psicologiaviva.com.br/saudemental/

 

CRONOGRAMA DE REALIZAÇÃO DOS CURSOS

Empreendedorismo e Marketing Digital – 20h (400 vagas)

29/03 à 02/04/2021

Técnicas de Vendas – 20h (400 vagas)

29/03 à 02/04/2021

Networking Empreendedor – 20h (400 vagas)

29/03 à 02/04/2021

Instagram para Vendas – 20h (400 vagas)      

29/03 à 02/04/2021

Criação de Loja Virtual e Empreendedorismo – 20h (400 vagas)

29/03 à 02/04/2021

https://semtepi.manaus.am.gov.br/prefeitura-oferta-2-mil-vagas-gratuitas-em-cursos-profissionalizantes-on-line-para-mulheres/


CAPACITAÇÃO

INSCRIÇÕES CURSOS ESPI/SEMAD:

Acesse http://portalespi.manaus.am.gov.br/capacitação e selecione a opção ‘Quero ser aluno’. No primeiro acesso, é necessário realizar cadastro na plataforma.

INSRIÇÕES ESASP/SEAD:
Acesse http://www.esasp.am.gov.br . Será necessário criar uma conta. Nesta etapa, você deverá informar seus dados pessoais, além de matrícula PMM e órgão em que atua.

 

NOTÍCIAS

Manausmed credencia novos prestadores de serviços para melhorar atendimento aos servidores da Prefeitura de Manaus

Visando implementar estratégias de melhorias definidas pela gestão do prefeito de Manaus, David Almeida, o Serviço de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Município de Manaus (Manausmed) está credenciando novos profissionais de saúde, clínicas, laboratórios e hospitais, para ampliar os serviços oferecidos pela assistência. O recebimento de propostas iniciou nesta quinta-feira, 11/3, e segue até 10 de setembro, na sede do órgão, na avenida Compensa, 770, bairro Vila da Prata, zona Oeste.

O principal objetivo do credenciamento, além da inclusão de novas especialidades médicas, é a retomada de serviços interrompidos ainda na gestão anterior, como o atendimento em maternidades e pronto-socorro infantil, além do de urgência e emergência adulto, suspenso em janeiro deste ano durante o início da segunda onda da pandemia da Covid-19 em Manaus.

Atualmente, a assistência dispõe de atendimento para consultas em 27 especialidades médicas, exames laboratoriais e de imagem. De acordo com o subsecretário do Manausmed, César Marques, por orientação do prefeito David Almeida, a equipe técnica do órgão atua em um plano de trabalho, que pretende retomar o atendimento de urgência e emergência adulto em 30 dias, e infantil em até 60 dias, dado o cenário pandêmico na capital.

“Nós estamos conversando com várias pessoas e empresas que possam trazer benefícios aos servidores segurados do Manausmed. A proposta é não somente credenciar novos prestadores, mas credenciar parceiros que realmente façam um trabalho excelente pelo nosso servidor. Existem muitas pontas soltas, como empresas que não estão efetuando o trabalho da maneira que esperamos e, por causa disso, a gente precisa credenciar novas pessoas, a fim de proporcionar o melhor tratamento aos servidores conveniados ao Manausmed”, assevera o gestor.

O aviso de edital está disponível na edição nº 5.050, do Diário Oficial do Município, de segunda-feira, 8/3. O edital de credenciamento encontra-se à disposição dos interessados na sede do Manausmed, podendo ser retirado de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h30. Para mais informações, o órgão disponibiliza o contato da Comissão de Credenciamento, pelo telefone (92) 98842-5814.

— — —

Texto – Divulgação / Semad

https://semad.manaus.am.gov.br/?p=4031

 

DICAS

Alimentação e Saúde

Alimentação: o segredo da boa saúde

 

 

 

Há uma relação direta entre a alimentação saudável e nosso bem estar físico e mental. Isto acontece principalmente porque os alimentos in natura ou minimamente processados, não apenas fornecem os nutrientes fundamentais para o desenvolvimento e manutenção do organismo, mas também contém diversos componentes que contribuem para a saúde e prevenção de doenças como por exemplo: licopeno, ácidos graxos ômega 3 e ômega 6, compostos fenólicos, revesterol, isoflavonas dentre outros.

Além do mais, a dimensão da alimentação humana é muito abrangente envolvendo os aspectos culturais, sociais e ambientais que interferem na forma de consumo, preparo e até mesmo as emoções frente aos alimentos.

O tipo de alimento e a quantidade que ingerimos está relacionada às circunstâncias ambientais. Quem se alimenta em companhia de amigos e familiares tende a valorizar mais a alimentação. Quem come sozinho ou distraído com tv/computador não presta muita atenção ao que come, costuma comer maior quantidade e geralmente ingere alimentos mais calóricos já que são práticos de preparar ou comprar, tais como, como pizza, sanduíches e sucos industrializados.

O valor nutritivo dos alimentos

Os nutrientes fornecidos pelos alimentos são as proteínas, lipídeos, carboidratos vitaminas e minerais. Todos são importantes para a manutenção da saúde e o bom funcionamento do organismo.

A maioria da vitaminas e minerais são encontrados nos vegetais (frutas, legumes e verduras e cereais integrais).As carnes em geral, ovos,  laticínios e leguminosas (feijões) são boas fontes de proteínas.

Já os cereais e tubérculos (batata, cará, macaxeira, etc) fornecem os carboidratos que geram energia para o desempenho das atividades diárias e metabólicas.

Dicas de alimentação

Ao se alimentar procure:

  • Comer mais “alimentos de verdade”, ou seja, os alimentos in natura e pouco processados pela indústria, tais como: frutas, verduras, feijões, cereais, carnes, peixes, leites e ovos.
  • Reduzir quantidade de gordura de origem animal ou óleos utilizados em frituras, açúcar e sal. Estes produtos podem ser substituídos com vantagens por ervas frescas e óleos vegetais.
  • Não comer sozinho ou distraído com televisão/computador. Faça do momento da refeição um espaço de compartilhamento e bons relacionamentos.
  • Evite consumir “alimentos ultraprocessados” como refrigerantes, sucos industrializados, sorvetes, achocolatados, biscoitos, macarrão instantâneo, embutidos, etc.
  • Quando estiver fora de casa, prefira locais que sirvam refeições do “tipo caseiras” e preparadas na hora.

Como manter o peso adequado?

Para manter o corpo saudável e com peso adequado é fundamental dar à alimentação a importância que ela merece. Para tanto, deve-se planejar e dedicar uma parte do tempo diário para a compra,  preparo e consumo dos alimentos mais nutritivos.

As “dietas da moda” que prometem reduzir o peso rapidamente não são referências para bons hábitos alimentares, pois de forma geral, além de não possuírem embasamento científico, essas dietas podem surtir efeitos de perda e reganho de peso que proporcionam um efeito emocional frustrante e ainda, causar deficiências nutricionais e riscos à saúde ao longo do tempo.

Desta forma, para reduzir o peso corporal e ainda diminuir o risco de doenças crônicas como diabetes, hipertensão, doenças cardiovasculares e alguns tipos de câncer, o ideal é associar hábitos alimentares saudáveis com a prática de atividade física regularmente. Além disso, não é recomendado seguir qualquer tipo de dieta sem a orientação de um profissional de saúde, especialmente o nutricionista.